CINEMA CATARINENSE É TEMA DE RODA DE CONVERSA VIRTUAL DA BIBLIOTECA PÚBLICA DE SC

O projeto Roda de Conversa, promovido pela Biblioteca Pública de Santa Catarina, terá mais uma edição no dia 13 de setembro, às 18h30, no formato virtual com transmissão pelo canal de vídeos da FCC no YouTube. A temática a ser debatida será o Cinema em Santa Catarina, tendo como convidados dois diretores: José Henrique Nunes Pires (Zeca Pires) e Maria Emilia Oliveira de Azevedo, com mediação do professor João Pacheco de Souza.

Sobre os participantes

Zeca Pires: nasceu em Florianópolis, é formado em Administração e Jornalismo, com mestrado em História pela Universidade Federal de Santa Catarina. Tem uma extensa produção cinematográfica dirigindo documentários, curtas, longa metragens e videoclipes, sempre buscando retratar aspectos da cultura de Santa Catarina. Foi um dos criadores e vice-presidente da Cinemateca Catarinense, do Funcine e do Curso de Cinema e Vídeo da Unisul. É técnico de carreira na UFSC. No campo da cinematografia, atuou como assistente de direção de Cacá Diegues – Um Trem para as Estrelas (1987) – e Sylvio Back – Cruz e Sousa – O Poeta do Desterro (1998) e O Contestado – Restos
Mortais (2012). Merecem destaque, ainda, as seguintes produções: os curtas-metragens Manhã (1999), coprodução com Norberto Depízolatti; Ilha (2001), coprodução com Jair dos Santos; e Perto do Mar (2002), coprodução com José Frazão; além dos documentários Farra do Boi – o Documentário (1991), coprodução com Norberto Depizolatti; Bois em Farra (2004); Ponte Hercílio Luz – Patrimônio da Humanidade (1996); Festa do Divino – Tradição da Fé (1998); Caminhos do Divino (2005), coprodução com Jair do Santos; Anauê (2015); e Professor Aníbal (2020). Em 2004, dirigiu o seu primeiro longa-metragem em parceria com José Frazão: Procuradas. Em 2011, lançou o segundo longa, A Antropóloga. Dirigiu ainda os vídeoclipes Reggae da Tainha, Vila Palmira (2019) e Ilha (1997). É autor das seguintes publicações impressas: O Cinema em Santa Catarina, em co-autoria com Norberto Depizolatti; Cinema e História: José Julianelli e Alfredo Baugartem, pioneiro do cinema catarinense; e organizador de Aníbal Nunes Pires, educação e literatura.

Maria Emília Oliveira de Azevedo: diretora e produtora executiva, é formada em Letras – Licenciatura Plena em Língua e Literatura Alemã, pela Universidade Federal de Santa Catarina. Entre outros trabalhos, dirigiu os curtas Alva Paixão (1995), Prêmio de Roteiro do MinC/93; Roda dos Expostos (2001), Prêmio da Fundação Catarinense de Cultura e Melhor Fotografia do 29° Festival Internacional de Gramado; e Um Tiro na Asa (2005). Com o Prêmio Cinemateca Catarinense/2010 rodou, na França, o curta Mulher Azul. Foi produtora de diversas mostras de cinema, entre elas: Mostra Itinerante FAM, Mostra Infantojuvenil FAM (2013, 2014, 2015), FESTin Ilha – Mostra Inaugural (2013), e Coordenadora das Mostras de Cinema FAM (2000, 2001), Mostra Raoul Peck (2016). Atuou como Conselheira do Funcine e participou em diretorias da Associação Cinemateca Catarinense-ABD/SC, de 1991 a 1993, como membro da Diretoria de Promoção e Difusão, Tesoureira (1993 a 1996), Suplente do Conselho Fiscal (1996 a 1998) e Diretora Financeira (1992 a 2002). Foi professora no Curso de Cinema e Vídeo (presencial) e do Curso de Produção de Multimídia Digital (virtual) da Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul), nas disciplinas de roteiro, produção, direção e direção de arte. Produtora e produtora executiva do curta-metragem de animação stop motion “Almofada de Penas”, projetado contemplado com o prêmio Itaú Cultural/RUMOS 2014. Produtora executiva em Anauê (2017), Mulheres na Indústria (2012), A Antropóloga (2011), Procuradas (2004), entre outros. Diretora de Produção em Do Que Te Lembras, Maria? (2017), de Muamba (2010), entre outros. Diretora
do filme de longa metragem Porto Príncipe, em fase de finalização.

Serviço:
O quê: Roda de Conversa sobre o Cinema em Santa Catarina
Quando: 13 de setembro de 2021 (segunda-feira), às 18h30.
Transmissão pelo canal de vídeos da FCC no YouTube: https://www.youtube.com/user/ImprensaFCC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Colunistas

Informativo Cultural

Agenda

Serviço: O quê: Jornadas Criativas – Florianópolis Inscrições gratuitas: 20/10 a 05/11/2021 Palestras online: de 11/11 a 17/11/2021 Workshop presencial: 18/11/2021 Local: Sala de Cinema Gilberto Gerlach – Localizada no Centro Integrado de Cultura (CIC) Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica – Florianópolis (SC) Horário: 10h30 às 18h

Facebook

Intervalo Cultural

Parceiros